Arquivo da categoria: novidades

Henrí Galvão

20 de fevereiro de 2019

Escrever é uma ótima forma de uma pessoa reconsiderar o contrato que faz com a vida (na maioria das vezes, sem nem perceber).

Às vezes isso te estimula a levar as coisas mais a sério.

Outras, acontece justamente o contrário:

Letra:

É quase bom demais pra acreditar
Tão bom que chega a assustar
Nenhum sinal daquela sensação
De estar sempre pagando um pedágio a mais
Só pra começar a me divertir

Quem só foi me conhecer
De uns dias pra cá
Não se conforma
Com o que perdeu

Mas não se engane, meu amigo
Tudo o que fiz
Foi afinar o meu diapasão
Espera só até me ouvir
Desacatar o ruído do trovão
Anúncios

Henrí Galvão

19 de fevereiro de 2019

Provavelmente nenhuma outra banda teve uma influência tão grande na minha escolha pela música quanto o U2.

E uma parte considerável disso vem, obviamente, do Bono, e tudo (ou quase tudo) que ele expressa e defende.

O que certamente faz dele uma figura fascinante também sob a perspectiva do Eneagrama de personalidade:

View story at Medium.com

Henrí Galvão

12 de fevereiro de 2019

Qualquer que seja a sua opinião sobre Gene Simmons – o baixista e um dos líderes do Kiss –, não há como negar que ele é um personagem e tanto.

Por isso – e também porque o admiro, apesar de tudo –, achei que seria no mínimo interessante falar sobre ele pra minha série de textos sore o Eneagrama:

View story at Medium.com

Aliás, talvez ao ler o texto de hoje você possa entender um pouco mais das motivações de um certo presidente língua solta. 😉

Henrí Galvão

7 de fevereiro de 2019

Uma das músicas de (des)amor mais famosas de todos os tempos é “Ne me quitte pas”, de Jacques Brel.

Chega a ser difícil imaginar como alguém poderia se rebaixar tanto quanto o eu lírico daquela canção.

Mas, como se sabe, com essas coisas não se brinca.

Letra:

Será que eu posso ser o seu chofer?
Garanto que nunca te deixaria a pé
Se não, quem sabe eu posso colher
Algumas orquídeas pro seu buquê
Também sei cozinhar
Varrer, passar, aspirar o pó
Pro que precisar, estou aí
Sou um bom perdedor
Isso você há de convir

Henrí Galvão

5 de fevereiro de 2019

Como expliquei na semana passada, a série de textos Enneagram & Music busca traçar algumas conexões entre esse sistema e a trajetória de diferentes músicos.

E foram poucos os músicos que me tocaram tão profundamente quanto o canadense Leonard Cohen, falecido há pouco mais de dois anos.

Logo, nada mais justo que ele seja o primeiro a ser discutido nessa série:

View story at Medium.com

[ATUALIZAÇÃO:] Agradecimentos especiais a Jarkko Arjatsalo por ter incluído o texto no fórum do seu maravilhoso site The Leonard Cohen Files.

Henrí Galvão

29 de janeiro de 2019

O primeiro texto de Enneagram & Music (que publiquei na terça passada) serviu como uma introdução a esse fantástico sistema.

Já o texto de hoje é uma introdução à minha própria trajetória com o Eneagrama até aqui (além de algumas observações pertinentes em relação ao que vem por aí nas próximas semanas):

View story at Medium.com

Como sempre, se você lê em inglês, vou adorar saber a sua opinião sobre o artigo de hoje no Medium.

E já adianto que semana que vem a coisa vai ficar bem mais séria. 😉

Henrí Galvão

22 de janeiro de 2019

É com o máximo de satisfação que escrevo o anúncio de hoje.

A partir de agora, vou publicar um texto por semana – sempre às terças , sobre o Eneagrama, sob o título de Enneagram & Music.

Já falei sobre esse sistema aqui no blog. É algo que venho usando na minha vida há alguns anos, e que continua a me ensinar muito (pelo menos quando eu me predisponho a aprender).

E, como quero deixar o meu site pra assuntos mais relacionados à minha visão artística, decidi escolher outra plataforma para publicar essa série de textos.

No caso, uma plataforma que muitos talvez já conheçam, chamada Medium.

Além disso, como pretendo entrar em questões um tanto específicas sobre essa ferramenta, achei que teria uma chance maior de ter um diálogo com outras pessoas caso escrevesse em inglês.

Logo, se você lê em inglês e tem algum interesse pelo assunto – ou quer conhecer mais a respeito do Eneagrama –, o primeiro artigo da série serve como uma introdução a esse sistema.

View story at Medium.com

Gostando ou não, me diga o que achou. Adoraria saber a sua opinião.

E, acima de tudo, te espero do outro lado.