Henrí Galvão

1 de outubro de 2018

Uma das consequências de estar sempre mexendo na playlist impermanente é que as músicas que saíam acabavam ficando “soltas” no SoundCloud.

Pra resolver essa questão, ao invés de criar uma outra playlist por lá, decidi trazê-las para o Bandcamp.

Assim, elas agora fazem parte do que chamo de arquivo impermanente:

Por tabela, nada mais justo que a própria playlist impermanente esteja no Bandcamp também:

Com isso, todas as minhas músicas podem ser baixadas nos formatos mp3, wav, flac ou o que você preferir.

Anúncios